Este pêlo branco

Aqui, nesta montanha batem os primeiros matinais raios de sol e quando este desce e se apresenta o luar tem-se a sensação de que nada se apresentou diferente do que já foi, do que é ou que poderá vir a ser. Não espere nada, nem deslumbramento nem desilusão, não é essa a brancura que se pretende.
Anseie o nulo para que atinja o supremo início do tudo de novo.
Muito gosto,
Cabra Branca.

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Anónima tesão


Anónimo, dás-me tesão!
Hoje acordei molhada por ti na esperança de me deitar já húmida contigo. No fundo tu fazes sentido. Dás-me dedicação solvida em tesão. Roubas-me a atenção, obrigas-me a desejar-te. Como te odeio, renego este prazer vazio, este sentido vadio. Fazes-me esperar por ti como quem olha aguardando um alguém. E seres o anónimo suspeito que és. Quanto te odeio! Quilos de desilusão por não saber quantos são. Serás tu um só a servir um só coração? Ou serás para tantas outras então?
Ouve anónimo, dás-me tesão!
Vago anseio, carregado de toda a razão, afinal também és solução, és afago e perdão. Quem sabe alguma paixão. És desprezo por tua existência, és sorrisos cínicos com certeza,  és falta de olhares cerrados ou abraços apertados. Quanto te abomino! Quanto és de fascínio. Assolas o estar, violas o ser. És mesmo obscuro falhado, mistério falado, post partilhado.
Escuta bem anónimo, dás-me tesão!
Esta espera é sem fim, não sei quanto tempo foi, quanto será por inventar, não sei se de noites deixas ou de dias enches, és abandono que nunca vai, és volume que nunca sai! Tens formato em mancha escrita, desconhecido que acorda quem nunca adormece, durante uma guerra sem luta. Deixa rasas feridas, onde nada há para desinfectar. Quanto te detesto! E nem por isso te desmistifico. Serás o que eu quero ou o que eu preciso?
Lê-me anónimo, dás-me tesão!  


30 comentários:

  1. sortudo. que inveja de n
    ao ser eu.

    beijos.

    ResponderEliminar
  2. O desconhecido tem por vezes esse efeito :o)

    beijos meus

    ResponderEliminar
  3. não sei se poderei. se calhar tu não quererias e depois não sei se conseguiria fazer o mesmo que o anónimo!
    beijos

    ResponderEliminar
  4. Tesão pelo anonimo(a)..muito bem.Essa mulher da foto é do tipo que me dá tesão..Mulher que já passou dos 30 ( ve-se pelas mãos) Mulher que não pratica ginasio ( ve-se pela barriga) mas cuida-se. Um peito P ( P=perfeito)..Se já me deitei com corpos e somente com corpos? SIM...Esse corpo dessa anonima é uma tesão.Agora o texto ao anonimo me recuso a comentar..KKKKK Eu não sou anonimo..KKKK Bjnhos.

    ResponderEliminar
  5. como sempre... e mais uma vez, delicio-me na tua escrita (anonimamente)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Water, sempre vieste?! Que bom a tua assinatura por aqui :)

      Beijo e obrigada

      Eliminar
    2. és SEMPRE água cristalina, vem sim...

      Eliminar
  6. Sortudo esse anónimo, posso sê-lo ?

    Beijo[ta]

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que sim, mas não só sê-lo como parecê-lo! :)

      Beijo J

      Eliminar
  7. Hoje pensava em assinar mas com tamanha declaração de amor... anseio que as palavras sejam para mim... porque, assim mesmo, sou anónimo...
    De regresso à realidade gostei, de novo garra e sangue nas guelras, assim sim...
    Anónimo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Daí a minha contabilidade falhar...

      Anónimos. Quantos são?????

      ...

      Eliminar
  8. i wish i wish with all my heart, and then i ask to my star if you can do me a blowjob..huu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo 11:25 sinto o teu desejo, mas nem tudo é só querer, tem que se fazer por se merecer.
      Mereces?

      Eliminar
  9. O anónimo do meio dia parece que vai bater piveas para a sanita toda a tarde. Que imagem estimulante. Cabra, cabrinha, cabron..escreves enquanto te roças.Uma tesão que não é anónima.
    Boa Continuação

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo 11:30, ainda vem aí o do 12:00???
      E sim, escrevo enquanto me toco, se essa imagem te fizer feliz, eu sou pelo amor, pelo sexo, pelo que te apetecer. Aqui é para os anónimos também se sentirem realizados e felizes.

      Esperemos então pelo anónimo do 12:00 a ver de que padece...

      Eliminar
  10. Rais parta os anónimos!!!

    ;)

    beijo suave...identificado!!

    ResponderEliminar
  11. Ai mulher com tanto anónimo a rondar o prado passas o dia enxarcadinha!!!! :)

    Beijo no pelinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e não é bom andar assim...??? ;)
      Beijo na asa

      Eliminar
  12. Andei por aqui... e parei neste, sei lá porquê, as palavras dançaram-me na frente e deixaram-me presa. Ou talvez tenha sido a palavra tesão, ou anónimo conjugadas...

    Adorei ler este! :)





    Beijo em TI

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Moi, que bom saber-te por aqui, melhor ainda ficares presa num post meu :)

      Obrigada

      Beijo

      Eliminar
  13. Revejo-me na excitação do desconhecido, do novo, do misterioso...
    Quando os anónimos são bem intencionados têm esse efeito erógeno. Não sabemos se são homens ou mulheres, não sabemos se é timidez ou sensualidade.
    A duvida, a curiosidade, excitam-nos, põe-nos húmidas, aquela sensação boa que nos leva para alem da realidade presente.

    Parabéns pelo blogue.

    Beijos

    Sofia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sofia Sunrise,
      bem vinda à montanha. Que aqui encontres algo de bom para ruminar. Anda, chega-te cá, quando o sol desce fica um pouco frio, mas temos bom pelinho para um agasalho. :)

      Beijo

      Eliminar
  14. Obrigada Bianca

    Vou aceitar o pelinho que as noites estão frias ;)

    Beijo

    ResponderEliminar