Este pêlo branco

Aqui, nesta montanha batem os primeiros matinais raios de sol e quando este desce e se apresenta o luar tem-se a sensação de que nada se apresentou diferente do que já foi, do que é ou que poderá vir a ser. Não espere nada, nem deslumbramento nem desilusão, não é essa a brancura que se pretende.
Anseie o nulo para que atinja o supremo início do tudo de novo.
Muito gosto,
Cabra Branca.

domingo, 20 de dezembro de 2009

7º Consulta

Caso grave, consulta ao Domingo!
"Lucrécia J. disse...
Por favor! Não acredito que há gente a pedir consultas e a contar a vidinha num blogue como se a dita Bianca fosse doutora de coisa alguma. Orgias?! O marido a ler Faulkner e a aturar doidas varridas, ele há cada um a aturar cada uma! E ainda têm o desplante de vir contar ao mundo nético o que se passa entre lençóis! Em vez de agarrarem o seu homem com toda a sua força e dedicação. Acabem com isto por favor, e vão mas é a médicos verdadeiros que lhes resolvam os verdadeiros problema do seio familiar. Haja bom senso. E ABAIXO A CABRA QUE NÃO MERECE A VOSSA ATENÇÃO."
Comentário feito à 5ª consulta..
..........................................................................................
Caríssima Lu,
Alguns pacientes alertaram-me, na minha vida offline, para a necessidade premente de vir a este meu consultório em pleno Domingo, pois que se encontrava uma comentadora das que, em cega indignação, tal buldozar do Reino de Deus, quer-me rebentar com as consultas afugentando a clientela!
Não vou apregoar os meu pergaminhos académicos, já o disse por várias vezes que não sou doutora, apenas conselheira declaradamente Bi, que lê atentamente os testemunhos que aqui deixam; nunca passei por santa, mas ao contrário, não sou mais do que uma Cabra Sensata.
Lu, você está necessitada de apoio, e isso é de facto notório! E eu estou aqui exactamente para a acalmar e tentar encaminhá-la para o seu reino de felicidade, e assim digo:
Fez muito bem em atirar para trás das costas esse tapete de Arraiolos, trocar as agulhas pelas teclas vindo ao encontro do virtual, destilando assim o seu doce veneno.
Neste momento não se sente bem melhor? Mais aliviadinha?
Dê descanso aos tapetes, já não funcionam como uma terapia, pois conduzem-na para um mar de cores fingidas nessa troca de lãs o que cria um tremendo stress, e isso todos nós queremos evitar.

Hoje, abro uma excepção; segue prescrição:

- Vir a este Blog com regularidade (3x/semana);
- Leituras recomendadas (2x por semana tome um travo de Bloguex; 2 doses de Sexo Virtual (e este, cuidado, tudo na medida certa!); 1 colher de sopa de Garfiar; e um gole de Rx e de Terpicosnopipi);
- E antes da pílula de Valeriana, dedilhe um pouco o seu corpo em busca do Reino de Deus (e Cuidado com esses Dedos).
Querida Lu, diga que vai da minha parte, que lá será igualmente ajudada.
Cuide da sua saúde.

3 comentários:

  1. AHAHAAHAHAHAH! Fazes a festa, deitas os foguetes e ainda apanhas as canas! Boa, assim mesmo é que é! Ahahaahahaha!

    ResponderEliminar