Este pêlo branco

Aqui, nesta montanha batem os primeiros matinais raios de sol e quando este desce e se apresenta o luar tem-se a sensação de que nada se apresentou diferente do que já foi, do que é ou que poderá vir a ser. Não espere nada, nem deslumbramento nem desilusão, não é essa a brancura que se pretende.
Anseie o nulo para que atinja o supremo início do tudo de novo.
Muito gosto,
Cabra Branca.

sábado, 18 de maio de 2013

gozo de te foder



















Qualquer palavra para ti agasta, qualquer amo basta.

Amo-te por me foderes, por me teres a jeito, enfiares-me a preceito. Amo-te nessa posição de deleito. E então fode-me, fode-me com efeito, roda-me tu sujeito e ama-me, vomita-me, sacrifica-me,  pelo que te trago no peito. Escuta-o quando tens esse ouvido colado ao despeito, depois digo-te o quanto te respeito, o quanto grito sobre esse amor que parece quase perfeito. E mesmo que não me largues ou mesmo que me deites, diz-me, fala-me desse gozo que me agasta e arrasta naquela palavra já tão gasta. amo-te! 

* a todos os anónimos portadores de qualquer nome.

16 comentários:

  1. A Bianca voltou!
    Sinto-me completo outra vez...
    Beijo enorme.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Morpheo, e eu sinto-me bem.
      Beijo do tamanho do teu.
      :)

      Eliminar
  2. Respostas
    1. e eu sei, e tenho de ti o tão bem :)

      Beijo fresco

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Vicente, há sempre aquela rua onde nós nos encontramos :)
      Beijo a escaldar :)

      Eliminar
  4. voltou e melhor que nunca... ;)

    bj doce

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só voltei Sinner e melhor ou pior, cá estou, bem :) !
      BEIJO DOCINHO

      Eliminar
  5. Um post assim é difícil de comentar, pela sua extrema qualidade. Gostei.

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lady só posso mesmo agradecer, obrigada! ;)

      Beijo

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Que te custe pelo prazer que sabe ;)

      BEIJO ESPECIAL em TI MY SKIN

      Eliminar
  7. A tal palavra nunca será gasta...quando o esse gozo é de tal intensidade....tal como as pessoas a vida também têm de ser fodida a preceito...Ups amada a preceito... :)
    Beijos,

    ResponderEliminar
  8. Sei que ansiavas pelo meu contributo da mesma maneira que anseias e temes os teus anónimos. Gozo de te foder. Bom título. Sei que o fazes bem. Foder pelo gozo de foder. Os sentimentos são atirados para o lado. Como adoro o egoísmo e as máscaras dos tristes. Como o egoísmo se torna e se transforma em soberba. Que defesa maravilhosa. Mas sabes..também eu gozo em te fuder, fuder, fuder fuder. Um dia quando te tornares menos soberba talvez te encontres, talvez deixes de fuder para passar a amar. Boa sorte (anonimamente do fundo do coração)

    ResponderEliminar
  9. (Publiquei para que você possa ter o prazer de reler o que escreveu sempre que assim o desejar.)
    Anseio pelo bom gosto, pela delicadeza, pela paixão, pela sensibilidade, pelo carinho, pela atenção, pelo sabor e alegria da vida, pelo amor, pelo sexo, pela dedicação às pequenas coisas da vida. Não por esta sua posição ou seu estado de alma. Temo sim, por falta de inteligência, ausência de energia positiva, temo pela rudeza da vida, a raiva, o ódio, o mal dizer, o mal querer, o egoísmo, a futilidade, o agrado pela desgraça do próximo e muito mais numeraria, não pelos anónimos que vão animando esta montanha, para alguns pesarosa no subir, eu já lhe conheço os meandros.

    No meu soberbo estar, desejo-lhe a continuação de boa semana de trabalho e bom f Uder.

    ResponderEliminar